Mensagem do dia

Estude! Saber é o maior diferencial que existe!

sábado, 28 de março de 2009

Desabafo através da secretária eletrônica da escola, rrss

Texto muito interessante retratando o descompasso entre algumas famílias e as escolas, em relação ao comportamento de determinados alunos. Vale a pena conhecer conteúdo que se não mostrasse a tensão em certas situações seria muito engraçado:

Mensagem  que deveria ser gravada por todas as  escolas do país...

Mensagem gravada:


 " Ola, para podermos ajudá-lo, por favor, ouça todas as opções:


  •  Para mentir sobre o motivo das faltas do seu filho - tecle 1.
  • Para dar uma desculpa por seu filho não ter feito a tarefa de casa - tecle 2.
  • Para se queixar sobre o que fazemos - tecle 3.
  • Para insultar os professores- tecle 4.
  • Para saber por que não foi informado sobre o que consta no boletim escolar do seu filho ou em diversos documentos que lhe enviamos - tecle 5.
  • Se quiser que criemos seu filho - tecle 6.
  • Se quiseer agarrar, esbofetear ou agredir alguém - tecle 7.
  • Para pedir um professor novo, pela terceirta vez este ano - tecle 8.
  • Para queixar se da alimentação fornecida pela escola - tecle 9.
  • Para queixar se do transporte escolar - tecle 0
Mas, se você já compreende que este é o mundo real e que seu filho deve ser responsabilizado pelo próprio comportamento, por sua tarefa de casa, por seu desempenho em sala de aula, e que a culpa da falta de esforço do seu filho não é culpa do professor, desligue e tenha um bom dia."
 
Prezadas mães, prezados pais; se vocês se enquadram no tipo de comportamento, veiculado na primeira parte desta mensagem, é hora de parar e empreender profunda analise sobre a educação de seus filhos.
A permissividade, a desculpa e a tolerância com os erros e a irresponsabilidade dos filhos podem solucionar, momentaneamente, os problemas. Só que, na vida real, as consequências são diferentes e, muitas vezes, nem mesmo ainterferência dos pais consegue resolver aquilo que a sociedade julga insolúvel.
Reflita sobre que tipo de cidadão você está formando.  

 

 

Nenhum comentário: