Mensagem do dia

Estude! Saber é o maior diferencial que existe!

segunda-feira, 2 de março de 2009

Hino Nacional – Sugestão de atividade



  

Entendendo o Hino Nacional

 Objetivo da atividade:

ü      Valorizar e tornar significativo o ato de cantar o Hino Nacional, por meio de um trabalho coletivo de pesquisa e compreensão de seu conteúdo expressivo.

Material necessário:

ü      Dicionário, papel pardo e pinceis atômicos ou, na falta destes. Lousa e giz.

 

Desenvolvimento da atividade ( 1ª a 8ª série)

 

ü      Converse com seus alunos perguntando a eles se sabem por que se executa o Hino Nacional cada vez que um atleta é premiado em uma competição , seja nas Olimpíadas, seja na Copa do Mundo ou em outras situações. Comente com eles a importância de um atleta – e de qualquer cidadão – saber a letra do hino de seu país. Diga que para cantar bem e se emocionar com o hino, é preciso, efetivamente, compreender o significado de sua letra.

ü      Pergunte também se eles compreendem a letra do Hino Nacional. Provavelmente, a resposta será negativa. Proponha, então, que façam junto um trabalho de “tradução” e compreensão do hino do Brasil, que é considerado um dos mais belos do mundo.

ü      Apresente a letra do hino escrita em papel pardo ou na lousa e peça que anotem ( se puder entregar uma cópia mimeografada ou xerocada para cada aluno, será melhor).

ü      Faça com eles uma primeira leitura em voz alta, durante a qual indicarão as palavras cujo significado das palavras de um trecho ou estrofe.

ü      Feita a pesquisa, representantes de cada grupo irão a lousa para registrar o sinônimo encontrado ( é importante nesse momento que discutam e escolham o sinônimo mais adequado para o contexto).

ü      Todos anotam e então é possível fazer uma leitura em coro, substituindo as palavras grifadas pelos sinônimos encontrados. Provavelmente, os alunos perceberão que o texto já se tornou bem claro.

ü      Mostre a eles, porém, que o hino pode ficar mais compreensível, colocando as frases em ordem direta, já que o autor da letra utiliza a ordem inversa em boa parte dos versos. Explique que a inversão é um recurso literário, bastante usado na época em que o hino foi feito, e que imprime ao texto(Hino) um ritmo bastante expressivo.

ü      Inicie então o processo de registro dos versos na ordem direta. Trabalhe agora no grande grupo, solicitando a ajuda dos alunos: você questiona, orienta e eles sugerem respostas possíveis. Cada vez que o grupo chegar a um consenso, você ou um aluno registra a versão em ordem direta ao lado de cada estrofe.

ü      Agora, com os alunos novamente em grupos ( oito), distribua três estrofes para cada grupo, assim, dois grupos ficarão com as mesmas estrofes. Estimule a interpretação, para que eles expliquem o que o autor quis dizer com cada estrofe. Por exemplo, na primeira estrofe, talvez o autor queira nos dizer  que a natureza é um personagem importante no momento em que D. Pedro proclama a Independência , sintetizando os anseios de liberdade do povo brasileiro.

ü      Em seguida, cada grupo apresentará a sua interpretação será registrada na lousa e, depois de corrigida, publicada num painel no pátio ou distribuída às outras classes. Se quiserem, os alunos poderão ilustrar as estrofes.

ü      Terminando esse processo, é bastante significativo fazer uma nova leitura em coro do Hino, dessa vez com sua letra original – e, finalmente, cantá-lo.

 

 

Nenhum comentário: