Mensagem do dia

Estude! Saber é o maior diferencial que existe!

segunda-feira, 13 de abril de 2009

Você gosta do que faz?


Gostar do que faz


           Tenho visto com certa preocupação, pessoas que se sentem “desiludidas” com o trabalho, achando-se “injustiçadas” e “desmotivadas” e tendo uma atitude de fazer cada vez menos, dedicar-se cada vez menos economizar-se cada vez mais. Isso tem criado um círculo vicioso  muito perigoso. Quanto menos as pessoas se dedicarem e se comprometerem, mais se afastaram de seus objetivos.

           É preciso repensar o valor do nosso trabalho. Passamos na escola,  as melhores horas de cada dia e os melhores anos de nossa vida. Temos que transformar as horas de trabalho em horas de crescimento, de desenvolvimento, de satisfação, de alegria. Num ambiente de trabalho é imprescindível que haja espírito de equipe e esforço coletivo. Acredito que todos que estão dentro da educação, gostam do que fazem. O financeiro nos dias atuais conta muito, mas, não é o fator determinante.       

Há pessoas que têm a ilusão de que elas devem fazer só o que gostam. Isso me perdoe, não existe. É preciso gostar do que se faz. Essa idéia ingênua de fazer só que se gosta é sonhadora e irreal. Temos que fazer tudo o que pudermos, com nossa inteligência e vontade para gostar do que fazemos. Muitas vezes, isso pode significar transformar o limão em limonada, como se diz popularmente. Muitos, na idéia ingênua de fazer  só que se gosta, ficam eternamente buscando uma coisa que lhes de ânimo, alegria, satisfação e, é claro, nunca encontram, pois nunca se dedicam a gostar do que fazem, transformando o que fazem naquilo que lhes dá prazer, satisfação, crescimento, orgulho, etc.

           A convivência em grupos é difícil muitas vezes, mas, precisamos respeitar e valorizar o nosso colega. É preciso repensar o trabalho como uma forma de realização pessoal e profissional; que no fundo são a mesma coisa, pois que somos reconhecidos na sociedade pelo que fazemos profissionalmente.

           Nesta semana, gostaria que você repensasse suas relações pessoais com o seu trabalho. Será que você não está procurando o impossível? Será que a solução não será dedicar-se mais, comprometer-se mais?

Colocando-nos no lugar do outro, estamos empenhados em fazer o melhor de nós para que o grupo fique mais harmonioso?

O que tem atrapalhado seu desempenho? Quais fatores externos estão interferindo no bom andamento do nosso trabalho coletivo?



 

DEUS PODE, VOCÊ TAMBÉM...

          Só DEUS pode criar,

mas VOCÊ pode valorizar o que ele criou.

          Só DEUS pode dar vida,

mas VOCÊ pode transmiti-la e respeitá-la.

          Só DEUS pode dar saúde,

mas VOCÊ pode orientar e guiar.

          Só DEUS pode dar a fé,

mas VOCÊ pode dar o seu testemunho.

          Só DEUS pode infundir a esperança,

mas VOCÊ pode restituir a confiança do irmão.

        Só DEUS pode dar amor,

mas você pode ensinar o seu irmão a amar.

        Só DEUS pode dar a paz,

mas VOCÊ pode semear a união.

        Só DEUS pode dar a força,

mas você pode apoiar quem desanimou.

        Só DEUS pode dar alegria,

mas VOCÊ pode sorrir a todos.

        Só DEUS é o caminho,

mas VOCÊ pode indicá-lo aos outros.

        Só DEUS é luz,

mas VOCÊ pode fazê-la brilhar aos seus irmãos.

        Só DEUS é vida,

mas VOCÊ pode restituir aos outros o desejo de viver.

Só DEUS pode fazer milagres,

mas você pode ser aquele que trouxe os cinco pães e os dois peixes.  

        Só DEUS pode fazer o impossível,

mas VOCÊ sempre poderá fazer o possível.

        Só DEUS basta si mesmo,

mas ELE preferiu contar com você.

 

Que a conquista de um ideal, não seja uma estação de chegada, mas, sim o início de novos desafios, de novas conquistas... 

Nenhum comentário: