Mensagem do dia

Estude! Saber é o maior diferencial que existe!

terça-feira, 5 de maio de 2009

Coletânea de pensamentos do grande psicopedagogo Içami Tiba

Portas

Se você abre uma porta, você pode ou não entrar em uma nova sala. Você pode não entrar e ficar observando a vida. Mas se você vence a dúvida, o temor, e entra, dá um grande passo: nesta sala vive-se ! Mas, também, tem um preço... São inúmeras outras portas que você descobre. Às vezes curte-se mil e uma. O grande segredo é saber quando e qual porta deve ser aberta. A vida não é rigorosa, ela propicia erros e acertos. Os erros podem ser transformados em acertos quando com eles se aprende. Não existe a segurança do acerto eterno. A vida é generosa, a cada sala que se vive, descobre-se tantas outras portas. E a vida enriquece quem se arrisca a abrir novas portas. Ela privilegia quem descobre seus segredos e generosamente oferece afortunadas portas. Mas a vida também pode ser dura e severa. Se você não ultrapassar a porta, terá sempre a mesma porta pela frente. É a repetição perante a criação, é a monotonia monocromática perante a multiplicidade das cores, é a estagnação da vida... Para a vida, as portas não são obstáculos, mas diferentes passagens!

DaddysGirl.gif (25597 bytes)

A arte de viver bem

Não exija dos outros o que eles não podem lhe dar, mas cobre de cada um a sua responsabilidade.
Não deixe de usufruir o prazer, mas que não faça mal a ninguém.
Não pegue mais do que você precisa, mas lute pelos seus direitos.
Não olhe as pessoas só com os seus olhos , mas olhe-se também com os olhos dela.
Não fique ensinando sempre, você pode apreender muito mais.
Não desanime perante o fracasso, supere-se transformando em aprendizado.
Não se aproveite de quem se esforce tanto, ele pode estar fazendo o que você deixou de fazer.
Não estrague um programa diferente com seu mal humor, descubra a alegria da novidade.
Não deixe a vida se esvair pela torneira , pode faltar aos outros...
O amor pode absorver muitos sofrimentos, mesmo a falta de respeito a si mesmo!
Se você quer o melhor das pessoas, dê o maximo de si, já que a vida lhe deu tanto.
Enfim agradeça sempre, pois a gratidão abre as portas do coração.



DaddysGirl.gif (25597 bytes)

Identidade

Eu sou branco. Você é vermelho.

Quando estamos juntos somos rosa.

Antes de eu conhecer você, eu não sabia o que era rosa.
Até que eu vivia bem sozinho: comia o que e na hora que eu queria; saía na hora quando bem entendia para ir ao lugar que tinha vontade de ir,numa liberdade, independência e auto-suficiência.
Quando eu vi você, fiquei vermelho de paixão e nem me incomodei com os meus brancos.
Até perceber-me que eu já não era mais o branco.
Foi quando o vermelho começou a me sufocar e então, brancamente, me protegi.
Mas às vezes eu me irritava e brigava com você.
No fundo, era porque você era vermelha e não branca igualzinho a mim.
Percebi-me em alguns variados momentos querendo mudar a sua cor. Ainda bem que você soube permanecer-se vermelha,
ter suas próprias emoções, sentimentos, comportamentos e pontos de vista.
Caso contrário, você seria também branca.
Mas tive minhas reticências, pois estava acostumado ao meu ritmo e modo de vida branco.
Temi perder minha individualidade.
Mas aos poucos fui descobrindo que o branco para se transformar em rosa
não é perder, desestruturar-se e desaparecer, mas é completar-se com o vermelho.
O rosa me atemorizou, mas hoje vejo quanto é gostoso conviver, relacionar-me, amar e ser amada.
Dá mais trabalho porque nem tudo pode e deve ser feito brancamente, mas sem dúvida tudo pode ser mais gostoso e rico com o vermelho.
Freqüentemente, um bom lanche branco não é tão agradável quanto um singelo jantar rosa.
Um mundo muito Cor de Rosa a todos....

DaddysGirl.gif (25597 bytes)

Entrevista

Cuca super legal- O que é na prática educar bem um filho?

Içami Tiba - Dar boa educação é essencialmente criar nos filhos auto-estima. A auto-estima começa a se desenvolver numa pessoa quando ela ainda é um bebê, sendo amada e bem cuidada. Para que a criança se sinta amada, é necessário que a acima de tudo seja respeitada.

Respeitar os filhos significa:

Aceitá-los como são, mesmo que não correspondam às expectativas dos pais.

Não os julgar por suas atitudes. Crianças erram muito, pois é assim que aprendem. Mães e pais podem julgar as atitudes mas não os filhos. Se a atitude foi egoísta, o que deve ser mostrado é o egoísmo e não dizendo: "você é egoísta".

O respeito à criança lhe ensina que ela é amada não pelo que faz ou tem, mas pelo simples fato de existir. Sentindo-se amada ela se sentirá segura para realizar os seus próprios desejos.

Portanto deixá-la tentar, errar sem ser julgada, ter seu próprio ritmo, descobrir coisas, permite à criança perceber que consegue realizar suas conquistas. Assim a criança vai desenvolvendo sua auto-estima, grande responsável por seu crescimento interno, e fortalecendo-se para ser feliz, mesmo que tenha de enfrentar contrariedades. Os pais podem dar alegria, conforto, satisfação e roupas da moda para os filhos, mas não podem lhes dar felicidade. O que os pais podem fazer é alimentar a auto-estima dos filhos que é a base da felicidade.
A auto-estima se desenvolve conforme a pessoa se sente segura e capaz de realizar seus desejos e futuramente suas tarefas.

Os dez elementos da auto-estima

-Amor 
-Carinho 
-Respeito
-Tolerância 
-Solidariedade 
-Cidadania. 
-Exigir dos filhos: reciprocidade 
-Disciplina 
-Religiosidade 
-Reforçar a ética e a preservação da Terra

É sobre a auto-estima que repousa a alma, e nesta paz que reside a felicidade.

Cuca super legal - Qual é o caminho para afastar os filhos das drogas?

Içami Tiba - A melhor prevenção é dar uma formação ao filho para que tenha força de enfrentar as mais diversas situações ao longo da vida. Os jovens em grande maioria consomem drogas devido ao despreparo para viver. Entre as dicas mostrar que liberdade tem limite, arcar com as conseqüências dos seus atos, os pais não fazerem o que é da obrigação dos filhos, pois quem sabe fazer, aprende fazendo.


DaddysGirl.gif (25597 bytes)

"Muitos pais, em nome do amor, deixam de cobrar coisas que precisam cobrar e ficam poupando os filhos; o amor é poupar, nessa linguagem de excesso de amor estraga. O verdadeiro amor tem que educar a outra pessoa e, para educar, muitas vezes, é preciso ajudar a organizar a vida, ajudar o filho a fazer o que ele é capaz. Mas os pais ficam poupando e acabam estragando seus filhos, em vez de ajudá-los..." 

DaddysGirl.gif (25597 bytes)

"O sucesso e a felicidade não dependem somente de uma pessoa fazer o que gosta. Entendendo que esta pessoa seja competente, disciplinada, ética, criativa, com iniciativa e cidadã. O sucesso e a felicidade dependem também da pessoa saber lidar com o que não gosta. Pois o que a pessoa gosta traz também algo que ela não gosta. Se as pessoas largarem o que gostam por não saberem lidar com o que não gostam, elas vão restringindo cada vez mais os seus campos de ação. Pessoas de sucesso e felizes não têm portas fechadas à sua frente. Acompanhando os jovens percebo que eles são capazes de largar uma faculdade por não conseguir superar suas dificuldades com uma ou outra matéria, outros largam seus sonhos por não conseguir estabelecer uma estratégia de realização. Esses são algumas das conseqüências de uma educação muito permissiva que aceita que os filhos não cumpram suas tarefas até o fim. Os pais destes jovens tomaram para si a responsabilidade de deixarem os filhos fazerem o que tiverem vontade. Assim, deixaram de preparar os filhos para a vida. O sucesso não é o que a própria pessoa se apregoa. O sucesso é o reconhecimento que outras pessoas lhe dão. Felicidade é uma sensação interior que se aprende a desenvolver, curtindo o que tem, sem ficar chorando pelo que não tem..." 

DaddysGirl.gif (25597 bytes)

"É a repetição perante a criação, é a monotonia monocromática perante a multiplicidade das cores, é a estagnação da vida... Para a vida, as portas não são obstáculos, mas diferentes passagens!" 

DaddysGirl.gif (25597 bytes)

"Não adianta ter bom senso. É preciso informação e conhecimento, é preciso praticar ser pai. Não é só o bom senso, pois o bom senso leva ao que está acontecendo, que é o filho ser uma colcha de retalhos de educação e não o resultado de um projeto educativo. Cada hora se faz de um jeito e os pais pensam que acertaram, mas no fundo ainda estão fazendo cada um de uma forma: o pai, a mãe, a avó, a babá - e ainda querem que os filhos tenham equilíbrio. Deve haver um planejamento, um projeto educativo. A educação é um projeto, é algo que tem um caminho, que não pode ser simplesmente de qualquer forma. Deve ser muito elaborada, pois é o futuro do filho e da família que estão em jogo..." 

DaddysGirl.gif (25597 bytes)

"Como será a educação dos filhos desses quem nem tiveram educação, o que poderão passar para seus filhos? O filho pagará mais tarde e o pai pagará sempre. Não tendo maturidade suficiente, será um esforço frouxo de mãe, e quem delegará as funções será a mãe da mãe. De uma forma geral, o pai some e não se preocupa com a criança..." 

DaddysGirl.gif (25597 bytes)

"O ser humano pode começaar a mudar em qualquer fase da vida, inclusive, na terceira idade. Nós somos uma nova página a cada dia." 

DaddysGirl.gif (25597 bytes)

"O maior estímulo para ter disciplina é o desejo de atingir um objetivo.." 

DaddysGirl.gif (25597 bytes)

"Para o otimista, cada nova complicação é uma nova oportunidade. Para o pessimista, cada nova oportunidade é uma nova complicação..." 

DaddysGirl.gif (25597 bytes)

"Amor demais estraga." 

DaddysGirl.gif (25597 bytes)

"Quem ama, educa." 

DaddysGirl.gif (25597 bytes)

"É muito mais difícil ser pai hoje do que antigamente, quando o pai chegava, batia no filho e pronto. No entanto, os pais não educavam os filhos melhor que hoje. Isso que estamos passando atualmente é resultado da má educação que eles nos deram e nós sobrevivemos às nossas custas, porque eles só foram chefes, só repetiram sistemas tradicionais. Fizeram o que os pais deles fizeram e os pais dos pais deles fizeram. Vinham em uma linha da chefia do "eu olho e você obedece". Essa geração de pais de hoje, os pais sufocados, é uma geração louvável de pais, pois eles apanharam na infância, se formaram por conta própria e, lógico, não foram perfeitos. Então, acabam "apanhando" hoje dos filhos. E é por isso que os chamo de pais sufocados..."

DaddysGirl.gif (25597 bytes)

Nenhum comentário: