Mensagem do dia

Estude! Saber é o maior diferencial que existe!

terça-feira, 2 de junho de 2009

O que aprendemos com a tragédia do voo Rio-Paris AF 447

O Brasil e o mundo acompanham chocados mais uma grande tragédia da história da aviação. Um aviião com 228 a bordo sumiu dos radares sobre o Oceano Atlântico. As buscas foram intensificadas mas, até o momento em que escrevo não obtiveram êxito.
Em toda essa catastrofe não consigo pensar só nas vitimas, mas, principalmente em suas famílias. Quando acontece coisas como essa as pessoas costumam perder a fé e a duvidarem da presença de DEUS em nossas vidas. Deus jamais abandona seus filhos. 
Quando eu era pequena, meus pais sempre me ensinaram a julgar por mim. Meu dizia sempre em qualquer oportunidade: " O bom julgador por si, julga." Ou seja, pense no que você faria, para depois julgar.
Hoje ao chegar na Escolinha Tia Nina, as crianças estavam comentando o acidente. Muitas levantavam hipóteses do que teria ocorrido com o avião AF- 447. Não pude deixar de ouvir uma menina falando: Meu pai disse que não acredita em Deus é por causa dessas coisas.
Eu senti um grande calafrio percorrendo meu corpo. Como pode um pai, afirmar para uma família que Deus é questionável? Que Ele não existe? Que valores religiosos esse pai está formando em seus filhos?
Alguns podem pensar que talvez ele esteja certo. Mas, a esses respondo que o mestre dos mestres que veio a Terra, que nasceu e viveu entre nós, afirmou que: " Meu reino não é deste mundo"... " Há várias moradas na casa de meu Pai."... "Vim para que aprendam o caminho"...
O que podemos concluir? Que a morte é uma benção de Deus. É o fim de uma vida de provas e espiações e a passagem para a vida eterna. É a redenção.
Como espírita, creio, que tragédias como essas sejam resgate coletivos, de pessoas que já cumpriram suas missões no planeta Terra e que por isso foram chamadas a retornar ao Pai, que é o amor, a bondade, a esperança e a misericórdia.
Estava lendo a lista de passageiros desaparecidos... Entre eles há grandes profissionais, pessoas que estavam trabalhando, estudando, lutando por um mundo mais justo, mais humano, mais digno para nossas crianças e jovens. Tem uma passageira que estava em lua de mel e se separou do marido no embarque para ir a casa dos pais... Por que ela estava no avião e o marido não?
Por que estamos no lugar em que Deus quer que estejamos. Diz a palavra de Deus que não cai uma folha de uma àrvore sem a permissão de Deus. E que existem muitos mistérios entre o céu e a Terra.
Imagine comigo a mulher que a caminho do avião furou o pneu do carro e por isso perdeu o voo...Imagine o homem executivo que amanheceu com febre e por isso não pode embarcar... Imagine a jovem que acordou atrasada faltando apenas 30 minutos para o embarque e ainda conseguiu chegar a tempo...
Somos realmente pessoas de pouca fé. Jesus disse que bastaria ter a fé do tamanho de um grão de mostarda e mandaríamos uma montanha se transpor para outro lugar que ela obedeceria.
Então por que duvidamos? Por que perdemos a fé?
Em momentos como esse devemos nos agarrar nas mãos de Deus, agradecer por estarmos vivos e no convívio dos nossos familiares. Devemos fazer uma reflexão sobre nossas atitudes, nossos valores, nossas prioridades. Pensar no que temos perdido, nas oportunidade de amar que temos todos os dias os nossos irmãos e companheiros nessa jornada pela Terra. Devemos orar pelas famílias que sofrem com a dor da separação, mas, certos que isso é temporário, que existe algo muito maior na casa do Pai. Que um dia, toda humanidade estará reunida para a grande confraternização universal.
Desculpem se me deixo aqui essas palavras, mas, eu não posso me calar, quando vejo que nossas famílias estão perdendo a esperança e o pior, transmitindo isso a minhas crianças.

Que Deus não permita que eu perca ...


Que Deus não permita que eu perca o ROMANTISMO,
mesmo sabendo que as rosas não falam...
Que eu não perca o OTIMISMO,
mesmo sabendo que o futuro que nos espera pode não ser tão alegre...
Que eu não perca a VONTADE DE  VIVER,
mesmo sabendo que a vida é, em muitos momentos, dolorosa...
Que eu não perca a vontade de TER GRANDES AMIGOS,
mesmo sabendo que, com as voltas do mundo, eles acabam indo embora de nossas vidas...
Que eu não perca a vontade de AJUDAR AS PESSOAS,
mesmo sabendo que muitas delas são incapazes de ver, reconhecer e retribuir, esta ajuda...
Que eu não perca o EQUILÍBRIO,mesmo sabendo que inúmeras forças querem que eu caia...
Que eu não perca a VONTADE DE AMAR,mesmo sabendo que a pessoa que eu mais amo pode não sentir o mesmo sentimento por mim...
Que eu não perca a LUZ E O BRILHO NO OLHAR,
mesmo sabendo que muitas coisas que verei no mundo escurecerão meus olhos...
Que eu não perca a GARRA,
mesmo sabendo que a derrota e a perda são dois adversários extremamente perigosos...
Que eu não perca a RAZÃO,
mesmo sabendo que as tentações da vida são inúmeras e deliciosas...
Que eu não perca o SENTIMENTO DE JUSTIÇA,
mesmo sabendo que o prejudicado possa ser eu...
Que eu não perca o meu FORTE ABRAÇO,
mesmo sabendo que um dia meus braços estarão fracos...
Que eu não perca a BELEZA E A ALEGRIA DE VER,
mesmo sabendo que muitas lágrimas brotarão dos meus olhos e escorrerão por minha alma...
Que eu não perca o AMOR POR MINHA FAMÍLIA,
mesmo sabendo que ela muitas vezes me exigiria esforços incríveis para manter a sua harmonia...
Que eu não perca a vontade de DOAR ESTE ENORME AMOR que existe em meu coração,
mesmo sabendo que muitas vezes ele será submetido e até rejeitado...
Que eu não perca a vontade de SER GRANDE,
mesmo sabendo que o mundo é pequeno...
E acima de tudo...
Que eu jamais me esqueça que Deus me ama infinitamente!
Que um pequeno grão de alegria e esperança dentro de cada um
é capaz de mudar e transformar qualquer coisa, pois...
A VIDA É CONSTRUÍDA NOS SONHOS E CONCRETIZADA NO AMOR!

(Francisco Cândido Xavier) 

2 comentários:

Jéssika Dias disse...

Xênia, concordo com o que vc diz nessa sua postagem... As vezes questiono o pq q estou aqui, sendo que qdo menos pensar aqui já não estarei mais... Sei que existe Deus e confio nele. Mas confesso que ainda me pergunto o pq de muitas coisas que acontecem... Não sou espírita, mas acredito que todos temos uma missão e q ao completá-la temos que ir embora desse plano, mas me questiono se é preciso ir de forma tão trágica... Não sei... E que Deus abençõe as famílias para que possam lhe dar com essa perda, com a certeza de que foram para um lugar melhor... Bjitos te amo amiga!!!

cucasuperlegal disse...

Oi, Jeh, obrigada por comentar.
Eu vejo Deus em todas as pessoas, mas, em você Ele brilha muito.
Bjux, tbm te amo amiga!
Sucesso!