Mensagem do dia

Estude! Saber é o maior diferencial que existe!

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

As 07 coisas que mais odeio... Passando a bola...

Falta de educação



Parece um pouco óbvio para uma educadora, não é mesmo? Mas, de verdade odeio gente mal educada na vida, na escola, no trânsito e em família. Não suporto ver pais com seus filhos no carro, que não percebem ou não se importam que eles joguem lixo pela janela, nos parques que pisem a grama,  que derramem alimentos no chão, que permitam que  fiquem dando birra em lugares públicos. E não é só criança não, pessoas adultas que xingam, falam palavrão, brigam na frente de pessoas que não tem nada a ver com o que está acontecendo entre eles. Furam fila, interrompem ou ouvem a conversa alheia, penetram em festas sem convites, e por aí, vai... Educação é fundamental para mim e claro para  a vida em sociedade. 




2° VIOLÊNCIA










Vivemos uma era de muita violência, os números são alarmantes e espantosos. Vemos esta vilã por todos os lugares dentro da sociedade e principalmente dentro das famílias.

Ligamos a TV e vemos a violência nos estádios de futebol, entre torcidas, entre jogadores, agredindo juízes e bandeirinhas, um absurdo. Assistimos aos noticiários e engolimos tudo o que aconteceu no dia: assaltos, assassinatos, estupro, corrupção, violência doméstica contra as mulheres, espancamento de crianças pelos próprios pais, castigos absurdos, Bullying nas escolas e redes sociais, pedofilia, incesto....
 Nossa, já me deu enjôo. Tenho verdadeiro ódio de quem não usa a razão para promover a paz.


3° Injustiça







Existe coisa pior que injustiça? E o pior que ela está também por toda parte: injustiça no trabalho coloca o trabalhador em confronto com situações que irritam, desgastam, amedrontam e desestimulam. Em casa onde apenas um é o "senhor" de toda família e manipula suas emoções, ou ainda o privilégio de um filho em detrimento a outro,onde prevalece é o respeito unilateral sobre o respeito mútuo.. Na escola massacrando aquele aluno que tem maiores dificuldades de aprendizagem ou ainda julgando antecipadamente sempre o mais arteiro, atribuição de castigo de forma arbitrária e desproporcional ao ato; como por exemplo: punir um inocente ou não castigar um culpado.
 As injustiças sociais de modo geral: a fome, a miséria, a guerra, desemprego, racismo, formas de tratamento desigual de acordo com a pertinência social, econômica, política, religiosa, cultural, etc; como por exemplo: tratamento desigual entre pessoas ricas e pobres, negros e brancos.


4° Falta de respeito com os idosos







Quando se fala em idosos, muitos pensam em seres humanos doentes e largados em cima de uma cama.


A estupidez e falta de respeito marcam o dia-a-dia de boa parte dos aposentados que ficam vulneráveis diante do tratamento precário e indigno. 


Vemos nos noticiários familiares espancando pais e avós idosos, sem o mínimo de respeito por uma pessoa marcada pelas rugas de quem já lutou bravamente pela vida, por que viver é uma luta diária, não é?
Neste cenário tão marcado por uma inversão de valores, os jovens acabam se esquecendo de suas raízes e excluindo toda e qualquer possibilidade de aprendizado que obteriam na presença de seus familiares mais experientes.
Deixados de lado em casas de repouso ou abrigos, os idosos são tomados por uma forte angústia e tristeza pela lembrança de seus laços afetivos. Afinal, quem é que gostaria de ser "exilado" por sujeitos que têm o mesmo sangue correndo nas veias? Você, que agora lê este texto, como se sentiria se estivesse na pele de um rejeitado? 


5° Mentiras e falsidades







 MENTIRA E FALSIDADE é terrível, fala sério?


Falsidade um dos piores lados do ser humano. Aquela pessoa que se chega com carinha de anjo mas por trás se esconde um monstro capaz de jogar o mundo contra o mundo ou aquela pessoa que finge ser aquilo que nunca foi. Falsidade e mentira juntos é um mal irreversível uma doença crônica e degenerativa que vai  contagiando a quem está a sua volta.




6° DROGAS







O próprio nome já diz que droga é uma DROGA! Eu odeio as drogas com todo o meu coração... As drogas entram pela porta da frente de uma casa e destrói tudo que encontra pela frente: a família, a saúde, a segurança, a paz, a união, o amor, a honestidade, a liberdade e a fraternidade entre irmãos.


A droga tira da pessoa humana os seus maiores bens que são a dignidade, a autoestima,  e a  personalidade.


As drogas passam a ser mais importantes que as necessidades básicas daquela família e aqui incluo todas elas: o cigarro, o álcool, a maconha, a cocaína, o crack e etc..




7° Acomodação e passividade







Pessoas acomodadas e passivas me deixam irritada. Não suporto ver que a vida está lá fora com milhares de novas oportunidades, com milhares de novas escolhas, novos conhecimentos, novas práticas e um ser humano dotado de inteligência passivo, inerte, esperando não sei o que para começar a agir, a promover mudanças de paradigmas, mudanças de comportamentos ou simplesmente participar e educar.


Nas escolas a passividade e a acomodação são as piores inimigas da aprendizagem, tanto por parte dos alunos como por parte dos educadores. existem professores que ainda usam as mesmas aulas que prepararam há 10 anos atras. Dão aulas chatérrimas e ainda querem a atenção e a disciplina dos alunos.


Na sociedade a passividade e a acomodação permitem que aconteçam todas as injustiças sociais, todas as formas de violência, todas as tragédias  criminais da atualidade. Se cada um de nós fizer a sua parte, certamente, iremos construir um mundo melhor.




Agradeço ao amigo Ebrael shaddai que me trouxe a oportunidade de refletir sobre essas coisas. Agora passando a bola ... Vou indicar alguns amigos do Dihitt :




Pastor : ICPNI


Bruna : bruiris


Joyce : joycesanchote


Maria : mgmarcal


Bia : bianabac

















8 comentários:

EternoAprendiz disse...

Excelente postagem!!!
Também odeio tudo isso e odeio minha impotência diate de tudo isso também.
Faço minha parte, mas gostaria de poder fazer muito mais.
Beijos!!!!

Rê(bonellinha) disse...

Muito boa sua matéria, itens que todos nós detestamos!!

bj

Ebrael Shaddai disse...

Detesto tudo isso tbm!! São tantas mazelas gritantes na sociedade, que sete foi só uma quantidade simbólica!! Violência, e pior, violência contra idosos me tiram do sério!!

E quanto à falta de educação: ontem um cara quase foi espancado dentro do ônibus. Ele sentava no banco preferencial de idosos. Eu vi q ele estava acordado. Qdo entrou uma senhora com 2 muletas, ele rapidamente fingiu estar dormindo e fechou os olhos. Mas não teve outra: o motorista e o cobrador arremessaram ele para a parte de trás do ônibus, não preferenciais. Se livrou de uma surra!!

Bjs e obrigado!! Dê lembranças à Sissym, pois foi ela que me indicou!! Fui.

eu disse...

legal sete coisas bem interessantes que incomodam muito mas a pacividade me inrrita muito,ótimo post!

WANDER.CHEF disse...

REALMENTE, ACOMODAÇÃO E PASSIVIDADE É DE SE ODIAR...
É UMA PENA QUE UM PAÍZ QUE JÁ TEVE OS CARAS PINTADAS VE SEUS JOVENS ASSIM.... PASSIVOS E ACOMODADOS.

LL disse...

Xénia,

Os teus desgostos, são realmente desgostosos. Partilho deles todos! Embora pense que há outros valores que urgem corrigir mais rapidamente, a falta de educação, que referes no 1º item, também é algo que me aflige muito. Penso que é um pilar mestre na construção da personalidade, e, infelizmente, vejo que cada vez lhe é dada menos importância.

Beijos
Luísa

Xênia da Matta disse...

Obrigada, por comentarem aqui, meus amigos...
São mesmo tantas coisas abomináveis que fica até difícil selecionar as piores, né?
Bjux e sucesso!

Fabiana disse...

ola,adorei suas postagens ficaram ótimas eu odeio tudo isso também principalmente as drogas pois tenho duas crianças e tento fazer o melhor por eles colocando em primeiro lugar a educação mostrando que sem educação ñ somos nada enfim um abraço é parabéns