Mensagem do dia

Estude! Saber é o maior diferencial que existe!

terça-feira, 22 de junho de 2010

Educar é uma tarefa difícil...

Muitos casais estão optando por não terem filhos. E, infelizmente é uma decisão que tem como motivação a realidade social que nos cerca.

Existem vários fatores externos que estão interferindo diretamente na personalidade de nossos filhos, principalmente jovens e pré adolescentes.

Poucas coisas são mais importantes na vida que educar crianças. No entanto, a maioria das pessoas não recebe nenhuma educação formal para realizar essa tarefa com sucesso. Em grande medida, as habilidades de educar filhos são desenvolvidas na observação de como nossos pais lidaram conosco e com os nossos irmãos. Quando temos pais tranquilos e eficientes, nossas habilidades de educar tendem a funcionar . Se nossos pais foram pouco habilidosos em lidar com os filhos, tendemos a ter dificuldade em lidar com nossos próprios filhos.

Embora a educação de filhos possa ser tremendamente compensadora, é, muitas vezes, cheia de dores de cabeça, confusão e sofrimento. Abaixo delineamos algumas diretrizes que poderão auxilia los a ter um relacionamento pleno e mais positivo com seus filhos. Escolha aquelas que são apropriadas para a situação:


  1. A autoridade é essencial para manter ordem e estrutura na família. Seus filhos o respeitarão mais se acreditarem que você deve ser a figura de autoridade nesse relacionamento.
  2. Sempre se lembre das palavras "firme" e "gentil". Um pai costumava dizer "duro como prego e gentil como um cordeiro". Tente equilibrar.
  3. Estabelecer regras de convivência com a criança aumenta a responsabilidade. Os limites são conhecidos e a criança aprende a lidar com a autoridade quando adulta.
  4. Faça valer o que diz. Não permita que a culpa o faça voltar atrás naquilo que sabe que é o certo.
  5. Use a disciplina para ensiná los, em vez de castigar ou revidar por causa do mau comportamento.
  6. É importante que faça valer consequencias rápidas e claras para regras quebradas. Bronca e gritaria são extremamente destrutivas e ineficientes.
  7. Uma forma dos filhos aprenderem valores é observando o comportamento dos pais. Ajude. Ensine-lhes valores por meio de sua conduta e de sua experiência de vida.
  8. Ajude-os a aprender com seus erros. Não os menospreze, senão eles o farão consigo mesmo quando não alcançarem a perfeição.
  9. Demonstre que a organização torna o dia a dia mais fácil. Isso pode significar manter o quarto arrumado, mesmo quando essa não seja a tendência natural deles.
  10. Respeite seus filhos. Trate-os como os trataria na frente dos outros, pois isso também os ensina a serem autênticos com as pessoas.
  11. Seja um bom ouvinte. Descubra o que seus filhos pensam antes de lhes dizer o que voce pensa.
  12. Passe algum tempo especial comos seus filhos todos os dias, fazendo o que goatam, pois isso irá fortalecer o elo entre voces e levantara a auto-estima deles.
  13. Respeito a natureza e aos animais são valores que devem ser reforçados.
  14. agradecer o que recebem é outro aprendizado importante.
  15. Incentive seus filhos a trabalhar por aquilo que querem ao contrário de lhes dar tudo o que pedem. O trabalho é bom para eles.
  16. Ajude-os a superar incapacidade e fraquezas.
  17. Peça desculpas quando cometer erros.
  18. As crianças assumem os rotulos que lhes damos. Seja cuidadoso com os apelidos e as frases que usa para descrever seus filhos.
  19. Ajude-os a ter ilhas de competencia em areas de seu interesse( esporte, música, etc.0 A Auto-estima se baseia na capacidade de a pessoa se sentir competente.
  20. Não permitam que culpem os outros pelo que acontece em sua vida.
Enfim, ser bons pais é resultado de aprendizado. Leia, informe-se, aprenda tudo o que puder. Para que possamos garantir um futuro melhor para nossos filhos.

3 comentários:

gibanet disse...

Olá minha amiga Xênia,
Eu faço parte do grupo que decidiu não ter filhos.
Não apenas pelo que relatou em seu texto, mas por isso também.
Um grande abraço
Giba

Silvana Marmo disse...

Olá Xenia,
Muito bom o texto e pelo que observei ele pode ser usado com lição de vida, ou mesmo quando alguem opta por não ter filhos pode seguir muitos itens descritos no texto.
Parabéns
Meu carinho

Sou Mulher ... disse...

Olá Xênia!
Não é fácil educar! E seria muito apropriado que toda escola e posto de saúde, pudesse distribuir para os pais, algumas orientações básicas, em linguagem claro e de fácil entendimento, para ajudar nesta tarefa. Afinal, sempre dizemos que filho não vem com manual de uso, então, receber orientação abalizada,seria o melhor.
Abraço,Vera.