Mensagem do dia

Estude! Saber é o maior diferencial que existe!

terça-feira, 14 de setembro de 2010

Necessidades Educativas infantis Interesses e necessidades de crianças superdotadas.

A partir da leitura, de EllenWiner, publicada na obra crianças superdotadas ;mitos e realidade, podemos perceber claramente que  a autora relata a historia de uma mãe que faz do seu lar uma escola para seu filho, destaque pontos positivos e negativos da ‘escola caseira’

Pontos positivos;

  •            A afetividade familiar, pode contribuir com o ensino/aprendizagem de crianças superdotadas.
  •            A educação deve pular os muros da escola, para que crianças como essa possa aprender, mesmo na sua individualidade.
  •            A escola caseira nesse caso, se mostra flexível.
  • Essa família faz desse aluno um ser capaz de desenvolver em suas habilidades e pontecialidade.
  •            Utilização do currículo pelos professores como utilização nesse processo de ensino.


Pontos negativos

  • Carência
  • Falta de integração
  • Falta de socialização com outras crianças
  • Baixa auto-estima
  • Ensino personalizado
  • Ensino padronizado
  • Falta de um ensino personalizado

 Conluindo

Existem estudiosos que defendem uma educação enriquecida e outros uma educação acelerada para os alunos super dotados. 
           A educação dos superdotados significa agrupar crianças por habilidade, os contra a educação para os superdotados alegam que as crianças deixadas em nível inferior sentem-se burras.
Acredita-se que agrupar os superdotados prejudica , não apenas os deixados de fora, mas também os selecionados para o nível  dos superdotados.

           O argumento para o agrupamento de habilidades é usualmente feito por pesquisadores que especializam em educação dessas crianças . Ao eliminar o agrupamento por habilidades,  alegam,que é ceder a uma agenda política igualitária simplista quando a educação para os superdotados significa aceleração em vez de agrupamento por habilidades,a acusação de elitismo e injustiça dá lugar a uma outra. 

Os pais que neste caso,  buscam acelerar o filho através de admissão precoce na escola ou saltando séries são vistos como pais intrusivos, desejando roubar dos filhos uma infância normal para obter um diploma universitário precoce.

           Em contraste, os favoráveis a aceleração alegam que manter em uma classe de segunda série uma criança que pode fazer trabalho de sexta série, não esta salvando a infância deste estudante, mas roubado desta criança o desejo aprender,  alegam ainda que colocar uma criança com pares intelectuais é muito mais importante do que manter esta criança com pares da mesma idade.

E você o que pensa sobre esse assunto?

Alvanir  Rodrigues Pereira
Pedagoga


Nenhum comentário: