Mensagem do dia

Estude! Saber é o maior diferencial que existe!

quinta-feira, 17 de março de 2011

Conheça o efeito das drogas nas crianças









Nas crianças o uso de drogas provoca danos mais devastadores que nos adultos. Quem começa a se drogar antes dos 15 anos tem quatro vezes mais chance de viciar do que um adulto.


No Rio de Janeiro, repórteres flagraram crianças consumindo crack numa favela. Na Paraíba, a polícia procura a mãe de uma criança que aparece num vídeo colocando na boca um cigarro de maconha.


A polícia da Paraíba procura duas mulheres. Uma delas é a mãe de uma criança que num vídeo aparece colocando na boca um cigarro que parece ser de maconha. O vídeo foi encontrado no celular de um traficante preso ontem em João Pessoa. O homem que aparece dando o cigarro para a criança está morto e também era traficante.


O uso de drogas por crianças e adolescentes é um problema grave em vários estados. No Rio de Janeiro, flagraram crianças fumando crack na favela do Arará, subúrbio da cidade. No meio do lixo, um menino usa a droga, ao lado de dois homens.


Em outras imagens, outro garoto se aproxima de um grupo e pede uma pedra de crack que está dentro do copo plástico. Sob o efeito da droga, sai caminhando pela linha do trem.


Nas crianças o uso de drogas provoca danos mais devastadores que nos adultos. Por dois motivos: um tem a ver com peso. Um usuário mais leve tem maior risco de overdose. O outro é que o cérebro das crianças ainda está em desenvolvimento. E quanto mais cedo é o contato com as drogas, mais comum e mais intensos são os distúrbios.


A maconha e o crack vão direto para o pulmão e pela corrente sanguínea chegam ao cérebro. A maconha atinge áreas da memória, coordenação motora e capacidade de planejar e executar tarefas.


O crack se distribui por todo o cérebro e aumenta a liberação de dopamina, substância que dá sensação de prazer. Mas que em excesso provoca transtornos psicológicos como alucinações. Crianças que fumam crack têm dificuldades de ler, a escrever, a fazer cálculos. E também têm problemas de crescimento.


Uma criança de dez anos pode ter o tamanho e o peso de uma de sete. Segundo o psiquiatra Jairo Werner, estudos mostram que quem começa a usar drogas antes dos 15 anos tem quatro vezes mais chance de se viciar do que se tivesse experimentado já adulto. “A criança fica dependente mais rápido e quanto mais cedo ela começa a usar, mais risco ela tem e realmente de ter um comprometimento e depois ser muito difícil de a gente tratar”, declara Jairo Werner, doutor em saúde mental – UERJ.


Fonte:Jornal Floripa/ABEAD(Associação Brasileira de Estudos do Álcool e outras Drogas)






Nenhum comentário: